Notícias

Katana afiada! Ghost of Tsushima já vendeu mais de 6,5 milhões de cópias

Em novembro do ano passado, o game registrava 5 milhões de unidades vendidas

por Valdecir Emboava
Katana afiada! Ghost of Tsushima já vendeu mais de 6,5 milhões de cópias

Na tarde desta quinta-feira (25), a Sony anunciou uma adaptação cinematográfica de Ghost of Tsushima, pelas mãos do diretor de John Wick. Com a revelação, outras informações sobre a franquia também foram divulgadas, como o número de vendas do game, que já ultrapassa 6,5 milhões de unidades.

É válido lembrar que o exclusivo de PS4 atingiu 2,4 milhões de unidades nos três primeiros dias de lançamento em julho de 2020. Na última atualização, em novembro do ano passado, o título havia comercializado 5 milhões de cópias.

Também mencionado no artigo: Ghost of Tsushima vendeu 6,5 milhões de cópias desde o lançamento (o último número que recebemos foi de 5 milhões de cópias vendidas em novembro passado).

A Sucker Punch Productions também atuará como produtora executiva no projeto do filme.

Ghost of Tsushima não é apenas um sucesso comercial e de crítica, mas também provou ser um dos favoritos do público — principalmente no Japão. O sucesso foi tanto, que o jogo agora tem uma das maiores taxas de conclusão entre os títulos de mundo aberto para PlayStation.

Jin Sakai de Ghost of Tsushima segurando uma máscara de hanya em uma das mãos.
(FONTE: Reprodução/Sucker Punch)

Atualmente, o game da Sucker Punch está disponível para PS4 e PS5 (via retrocompatibilidade). Caso ainda não o tenha jogado, confira nossa análise sem spoilers para tirar suas próprias conclusões!

Combate de Ghost of Tsushima levou seis anos para ser otimizado, diz Sucker Punch

O título samurai caiu no gosto popular por apresentar uma história cativante e uma direção de arte muito atraente. Com tantas qualidades, o mais difícil de adicionar no game foi o sistema de combate, que demorou seis anos para ser otimizado. Saiba aqui o porquê!

Receba as novidades do meuPS no email

Nós não enviamos spam :)

Ao clicar em receber novidades você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade. Você pode optar por parar de receber os emails a qualquer momento.