Review

Madden NFL 17: vale a pena?

por Thiago Barros
Madden NFL 17: vale a pena?

O ditado “em time que está ganhando não se mexe” é perfeito para descrever Madden NFL 17, que repete a fórmula da consagrada franquia da EA para manter-se como referência.

Madden NFL 17 é aquela jogada bem trabalhada, que dura quase um período inteiro, com várias descidas, e termina em um touchdown. Imagine a cena: você interceptou um passe, sua defesa saiu de campo e veio o time ofensivo. Aí você combina corridas e passes, gasta o tempo e chega a uma jarda da linha de TD. A jogada é feita, a bola chega à End Zone e a arquibancada explode. É assim que a EA Sports deve ter se sentido ao finalizar Madden NFL 17.

Ele é uma experiência completa do futebol americano: a defesa forte, implantada em Madden NFL 15, os passes perfeitos, destaques de Madden NFL 16, e o jogo corrido, que é a grande evolução de Madden NFL 17. A combinação destes três pontos faz com que a jogabilidade do novo game seja, sem dúvida, a melhor da história da franquia – e isso quer dizer alguma coisa. Confira a análise completa do Meu PS4 abaixo.

“Temos um jogo”

Como diria Paulo Antunes, famoso comentarista da ESPN nacional, “Temos um jogo” em Madden NFL 17. E é um “baita jogo, diga-se de passagem” – mas deixa esse bordão para lá que ele é de outro comentarista e de outro esporte.

Madden NFL 17_1

Em Madden 15, aprendemos que “defesas ganham campeonatos”. No Madden 16, vimos como um passe perfeito pode desmontar uma marcação bem armada. Agora, em Madden 17, percebemos como correr com a bola pode ser uma ótima alternativa. Mantendo os ajustes dos antecessores e melhorando “ground game”, ele aumenta o leque de opções dos jogadores.

Por isso, o gameplay de Madden NFL 17 é excelente. O jogo parece ainda mais real, com uma defesa ainda mais agressiva e complexa, mas com ataques mais dinâmicos e imprevisíveis. Não há mudanças em táticas ou na forma de escolher jogadas, porém os movimentos, com e sem a bola, e as consequências de impactos corporais estão mais reais e têm resultados mais críveis.

Madden NFL 17_2

Os impactos parecem mais reais, as variações de jogadas seguem sendo fundamentais e muito simples de fazer, porém difíceis de ler, e os resultados de certos lances também estão um pouco mais próximos da realidade. Ficou mais difícil de fazer algo “heroico” no novo Madden. Apesar de que ainda é possível realizar algumas proezas.

“Choose your destiny”

Pegando emprestado mais um bordão, agora indo um pouquinho mais longe, em Mortal Kombat: “choose your destiny”. Ou seja, escolha o seu destino. Este é o recado de Madden NFL 17 para seus jogadores. São eles que definem o futuro dos principais modos de jogo do game, que são totalmente personalizáveis: o Madden Ultimate Team e o Franchise.

Madden NFL 17_3

No primeiro, igual ao Fifa Ultimate Team, você compra cartas e customiza sua própria equipe para desafios off-line e partidas contra adversários do mundo todo. No segundo, você pode ser o dono, o técnico ou um jogador do seu time favorito e, dependendo da posição que escolher, irá ter objetivos e maneiras de jogar diferentes.

Uma grande melhoria no modo Franchise, que é o mais popular, é que agora os usuários podem controlar o time somente em momentos cruciais, sem precisar disputar a partida toda. Isso pode dar mais dinamismo ao jogo, economizar o tempo do gamer e fazê-lo ficar mais temporadas no comando da equipe sem enjoar.

Madden NFL 17_4

É possível, por exemplo, jogar só os snaps ofensivos, participar apenas das jogadas de defesa ou então ter uma experiência com apenas os principais momentos do jogo, sejam eles de ataque ou de defesa. E, em todos, você pode escolher se quer mesmo participar daquele lance sugerido pelo jogo ou então simular.

A ideia é ótima, e o resultado também. O jogo está “viciante”, especialmente no Franchise Mode. As trocas estão mais dinâmicas, a evolução dos jogadores também está mais rápida e justa e, mesmo começando com um time fraco, é possível evoluir bem logo na primeira temporada. Mas tudo também vai depender do nível em que você jogar.

A dificuldade nos jogos, aliás, é algo que muitas pessoas que não estão acostumadas com a série podem encontrar. Por isso, é importante fazer os Skills Challenges, jogar tutoriais, treinar e começar as partidas em níveis um pouco mais baixos. Afinal, já no All Pro, que é o nível apenas “Médio” do NFL 17, pode ficar difícil se você não tem um pouquinho de experiência.

Tão bonito quanto a esposa do Tom Brady

O entretítulo é só uma brincadeira – nada é tão bonito quanto a Gisele Bündchen. Mas falando sério: a parte gráfica de Madden NFL é um dos destaques do game há alguns anos, e no Madden NFL 17 não é diferente. Tanto que a EA Sports sequer usou a Frostbite, engine de Battlefield e que é a grande atração do novo Fifa 17 para melhorar o seu visual.

Madden NFL 17_5

E mesmo assim, o jogo de futebol americano não fica devendo em nada ao do “soccer”. Ainda mais nas animações, que agora são mais frequentes, o visual de Madden NFL 17 é muito bonito. Os rostos e corpos dos atletas, uniformes, campos, estádios, torcedores… Tudo é feito como manda o figurino. Não há um destaque individual, mas sim o conjunto da obra.

Os menus seguem a linha dos últimos anos, com tudo muito moderno, bem organizado e fácil de acessar. Ainda totalmente em inglês, mas com navegação fácil e tudo explicadinho para quem não está tão familiarizado coma série. Outro ponto alto é a trilha sonora, que evoluiu e está mais empolgante nesta temporada.

E o que falar da narração sólida de Brandon Gaudin e Charles Davis, estreando na série? Claro que seria legal ter Everaldo Marques e Paulo Andrade, por exemplo, na narração, com menus em português, porém entendemos que o mercado brasileiro ainda não é tão grande assim para receber estes presentes da EA, e precisamos elogiar o trabalho em inglês, que está impecável.

Conclusão: Recomendado

A NFL não para de crescer no Brasil, e se você é um dos novos fãs da Liga e também gosta de games, vale demais adquirir Madden NFL 17. Para quem já curte a saga, a abordagem tem dois lados: é mais um game de sucesso, que você tem que comprar, ou é “mais do mesmo”, podendo esperar um pouquinho se você tem o Madden NFL 16.

Mas, comprando agora ou um pouco mais para a frente, até porque estamos no final do mês e setembro vem aí com vários lançamentos, Madden NFL 17 é muito recomendado para quem curte futebol americano e PlayStation 4. O jogo está muito bonito e ótimo de jogar. Como os seus antecessores mais recentes. Vale demais a compra!

Como de costume, Madden NFL 17 chega para abrir a temporada de jogos de esporte do ano, com os de futebol e de basquete vindo daqui a algumas semanas, e já deixa a expectativa para que os outros sejam tão bons quanto ele. Caso Fifa 17, por exemplo, consiga chegar a um nível parecido de jogabilidade e visual, certamente será um golaço da EA Sports.

2 - Selo de Ouro

*O jogo foi cedido pela Warner Games para avaliação

Thiago Barros
Thiago Barros
Editor-Chefe
Publicações: 1.960
Jogando agora: Ghostwire Tokyo
Jornalista, teve PS1, pulou o 2, voltou no 3 e agora tem o 4, o 5 e até o PSVR. Acha God of War III o melhor jogo da história do PlayStation.