Especiais

Jogadas Épicas da Semana #45

Veja quais foram as melhores jogadas da semana!

por Redação
Jogadas Épicas da Semana #45

As Jogadas Épicas da Semana é um quadro do Meu PS4 que reúne os melhores momentos dos nossos jogadores em seus jogos preferidos.

Próximos à edição 50, recebemos muitos vídeos ao longo dessas semanas que passaram. Continuem mandando suas gravações e quem sabe possa ser um sortudo no futuro.

Para participar é muito fácil, basta apenas seguir os seguintes passos:

  • Grave sua jogada épica e envie para o seu Youtube (vídeo de no máximo 1:00, para ficar mais dinâmico, ok?);
  • Sugestão: Gravem com SHAREFactory do PS4; (evite a adição de introduções, a atenção de um espectador é conquistada nos primeiros segundos. Fica a dica!)
  • Não pode conter: comentários do jogador; divulgação de canal, edição (música, cortes, montagem);
  • Envie o link deste vídeo juntamente com seu nome, sua PSN ID e uma mensagem legal para nós no email: [email protected]

Confira as melhores desta semana!

Doutrinação em Uncharted 4

Se o Thales Duarte (THALESPD) fosse um jogador da NBA, com certeza seria Stephen Curry ou LeBron James para doutrinar ferozmente como fez em Uncharted 4. Deu aula de como se joga bonito!

Se eu morro, levo 7

Gilbertou Sousa (?) mostrou que não é rancoroso, mas que leva uma multidão junto com ele caso morra. Ele simplesmente abateu 7 inimigos em um movimento só. Claro que custou sua vida, mas a recompensa foi gratificante.

Faca na caveira

Leonardo Santana (LMFS-1725) mostrou que, se Rainbow Six: Siege for um teste avaliativo, ele já pode trabalhar no BOPE. Controlando a Ace, ele teve muita calma e agilidade para eliminar o time inimigo por completo.

Quick Scope em The Last of Us

Sim, é possível! Gabriel Leandro (gabrielmoskito23) realizou uma das proezas incríveis no multiplayer de The Last of Us. Com uma mira impecável e agilidade absurda, ele realizou três (3) mortes implacáveis.

Sem perdão no corporal… Em time desavisado

Adolfo Sobral (IRunawayGamesBR) chamou a responsabilidade para si em Call of Duty: Black Ops 3 e eliminou a equipe inimiga apenas com ataques corporais. É muita coragem, ou muita sorte.

Saudações nipônicas

O Angry (angry_noob2014) curte o Meu PS4 lá do Japão e ainda tem tempo para estudar muita matemática em Battlefield 1. Isso se comprova pela rápida equação de segundo grau para a trajetória da parábola do projétil. Asiáticos, não é mesmo?

Vote

Agora, vote aqui qual delas você gostou mais:

[socialpoll id=”2429976″]