Notícias

Códigos-fonte de Cyberpunk 2077 e The Witcher 3 estão sendo leiloados por crackers

Criminosos começaram a vazar dados de jogos da CD Projekt RED, começando por Gwent

por Vítor Amorim Heringer
Códigos-fonte de Cyberpunk 2077 e The Witcher 3 estão sendo leiloados por crackers

Após a CD Projekt RED ter sofrido um ataque cibernético esta semana, os crackers começaram a liberar dados de jogos da empresa polonesa. Por meio de um fórum, eles compartilharam informações de Gwent. E não só isso: códigos-fonte de Cyberpunk 2077 e The Witcher 3: Wild Hunt estão sendo leiloados na Internet por até US$ 7 milhões.

Este é o código-fonte do jogo de cartas, Gwent. The Witcher 3 e Cyberpunk 2077 estão sendo leiloado hoje nos fóruns EXPLOIT com um lance inicial de US$ 1.000 (depois corrigiram o lance mínimo para US$ 1 milhão). Os autores do ransomware disseram que não leiloarão dados em outros lugares — qualquer local fora o EXPLOIT é falso.

Os criminosos já tinham avisado que liberariam os dados, caso o estúdio não cedesse às suas demandas — o que não ocorreu, pois a CDPR repassou o caso para as autoridades. Em comunicado na segunda-feira (8), a companhia declarou “não ceder às exigências”, mesmo se isto resultasse na “revelação de informações confidenciais”.

Além dos títulos, documentos contábeis, jurídicos, de recursos humanos e mais também caíram nas mãos dos criminosos. No entanto, a empresa garantiu que os dados dos jogadores não foram comprometidos.

Elon Musk elogia Cyberpunk 2077

Apesar de todas as críticas, Cyberpunk 2077 conta com um grande fã: trata-se de Elon Musk, CEO da Tesla. No Twitter, ele elogiou o game dizendo que a estética e design de Night City são “incríveis”. Graças aos poucos tweets do executivo, as ações do estúdio polonês subiram 19%, maior aumento desde junho de 2015, segundo o site BloombergVeja tudo aqui.

Receba as novidades do meuPS no email

Nós não enviamos spam :)

Ao clicar em receber novidades você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade. Você pode optar por parar de receber os emails a qualquer momento.