Notícias

Fãs relatam bug com a máscara Taro em Kena: Bridge of Spirits de PS4

Erro trava a câmera em primeira pessoa, o que obriga os jogadores a reiniciarem o jogo

por Vítor Amorim Heringer
Fãs relatam bug com a máscara Taro em Kena: Bridge of Spirits de PS4

Kena: Bridge of Spirits estreou nesta terça-feira (21) no PS4, PS5 e no PC, mas assim como muitos lançamentos, não está livre de bugs. Jogadores relataram um erro ao utilizarem a máscara Taro. A protagonista fica presa em uma câmera em primeira pessoa e diversos travamentos ocorrem ao andar.

O usuário “Secapra” do Reddit compartilhou um vídeo da falha e, ao que parece, ela só é resolvida reiniciando o jogo. As reclamações, até o momento, mencionam apenas o PS4, não se sabe se a mesma situação acontece no PS5.

Found a bug when putting mask on (PS4) from KenaBridgeOfSpirits

Nas respostas da publicação, muitos jogadores confirmaram terem passado pelo mesmo bug. Um deles até revelou uma possível maneira de evitar o problema, ao não pressionar rapidamente a parte esquerda do dpad do controle duas vezes. Além disso, um player relata que não consegue progredir na história de Kena: Bridge of Spirits por conta do erro.

Isso SEMPRE acontece se você tocar rapidamente para a ESQUERDA no dpad duas vezes. Apenas evite fazer isso. Já relatei (o problema), irei atualizar se receber alguma resposta“.

No meu caso fica em primeira pessoa com essa cor azulada sempre ativada. A única solução é recarregar“.

Isso é tão chato, eu tenho que recarregar todas as vezes“.

Esta falha é a coisa mais irritante de todos os tempos, não consigo nem jogar por causa dela“.

Por enquanto, a Ember Lab não comentou sobre o bug em Kena: Bridge of Spirits. No entanto, assim como todo lançamento, diversos updates são disponibilizados para corrigir os erros nos jogos.

Assista a primeira hora de Kena: Bridge of Spirits

O MeuPlayStation compartilhou a primeira hora de gameplay da mais nova estreia para PlayStation. Caso tenha interesse no título e gostaria de saber o motivo da exaltação por parte da mídia especializada, basta acessar este link!