Notícias

Assassin’s Creed Unity supostamente ocultou microtransações

por Daniel dos Reis
Assassin’s Creed Unity supostamente ocultou microtransações

Hoje foi o dia de lançamento de Assassin’s Creed Unity, e foi somente hoje também que, após várias horas do lançamento do jogo, caiu o embargo acerca dos reviews já realizados pela imprensa que recebeu cópias do jogo.

Apesar de se tratar de método extremamente ardiloso para ocultar eventuais falhas apontadas nos reviews que, se liberados previamente ao lançamento do jogo, poderiam prejudicar as vendas iniciais deste, a questão dos embargos à imprensa é relativamente comum, apesar de não muito bem vista por tentar deixar o consumidor nas escuras o máximo de tempo possível.

Ocorre que, a despeito disso, um determinado rumor surgiu no twitter a partir de certas manifestações daqueles que receberam cópias para análise: ao que tudo indica, no momento do review, o menu que indicaria a existência de item que apenas se habilitaria através de compra com dinheiro real estava oculto, ostentando a mensagem “hack item”, dando a entender que ele poderia ser obtido através de determinada ação feita no próprio jogo.

Microtransacoes

A ocultação só foi descoberta após os jogadores compararem suas versões compradas, com as microtransações expostas, com os reviews e videos produzidos previamente, que não constavam a existência de tal artimanha. Os debates acerca da veracidade da informação estão acalorados, e pouco se sabe se a ocultação das microtransações e seus preços foi realmente intencional ou se o problema residia, na verdade em uma falha do servidor.

De qualquer maneira, a Ubisoft toma mais um golpe em sua popularidade com o público cujos jogos tanto estimam. E como diria Harvey Dent, “Ou você morre um herói ou vive tempo o suficiente para se tornar um vilão”.