Review

eFootball 2022: vale a pena?

Konami dá resposta ao lançamento conturbado do ano passado e começa o "segundo tempo" focada na virada

por Thiago Barros
eFootball 2022: vale a pena?

Se eFootball 2022 fosse um jogo de futebol, poderíamos dizer que ele estaria agora no segundo tempo, após sair perdendo por 3×0 no primeiro. Mas, após um conturbado lançamento no ano passado, a Konami parece focada em virar o placar. E começou muito bem os “45 minutos finais”, marcando um belo gol e dando esperança para seu torcedor. Claro, ainda há ajustes a fazer, mas o caminho está ali, e a bola nos pés dos desenvolvedores.

A grande atualização 1.0, lançada no último dia 14, exatamente uma semana atrás, reformulou o jogo. Ele está mais bonito, fluido e divertido. Com foco no modo Dream Team, que substitui o MyClub, a nova empreitada da Konami, no entanto, parece estar só começando. Diversas opções clássicas da franquia ainda não foram liberadas, e nem é possível jogar com/contra amigos ainda, ou com todos os times.

Por isso, a questão de “vale a pena” pode ser vista de diferentes maneiras. Para quem já estava jogando, é claro, a resposta é óbvia. Vale muito. Para quem gosta da série, se afastou e buscava boas notícias para voltar, também dá gosto de jogar. Agora, para os mais exigentes, que buscam um produto pronto, é melhor esperar um pouco – mas ciente de que você estará perdendo muita coisa, como os bônus gordos que estão sendo dados agora.

Jogo dos Sonhos?

Para saber exata e detalhadamente tudo o que mudou em eFootball 2022, clique aqui e confira nosso deep dive nesse update. Mas, resumidamente, o controle sobre os passes está maior, as finalizações mais certeiras, existe um novo modificador de jogadas com o botão R2, os movimentos dos jogadores ficaram mais reais e as boas e velhas divididas estão mais físicas.

eFotball 2022 tem modo Dream Team (Foto: Reprodução/THIAGO BARROS)
eFotball 2022 tem modo Dream Team (Foto: Reprodução/THIAGO BARROS)

E tudo isso é posto à prova na grande reformulação do modo MyClub, que agora é o Dream Team. Ele é o centro de tudo no novo jogo, já que fora ele, só é possível jogar amistosos e, mesmo assim, com poucos times e sem ter sequer a opção de desafiar alguém que você conheça. A ideia, realmente, parece ser “forçar” o jogador a dedicar seu tempo ao Time dos Sonhos. E a estratégia dá muito certo.

Porque o gameplay está ótimo, assim como a ambientação, e agora é possível sentir-se mais recompensado ao tentar contratar jogadores para o seu time. Isso porque aquela história de empresários acabou, agora você vai num menu, escolhe quem quer comprar com suas GPs e pronto. Sem ladainha. A não ser, claro, em jogadores especiais, que seguem sendo comercializados em loot boxes que devem ser adquiridas com moedas eFootball (vale lembrar que assinantes do PS Plus ganham moedas e outros benefícios).

Escolha seus jogadores favoritos no eFootball 2022 (Foto: Reprodução/THIAGO BARROS)
Escolha seus jogadores favoritos no eFootball 2022 (Foto: Reprodução/THIAGO BARROS)

Sendo que todos os jogadores básicos têm preços fixos, e não há um mercado para eles serem vendidos entre players, tornando a experiência bem mais fácil. O único porém é que a Konami poderia dar um dinheirinho a mais na hora de vender um jogador. Vai que você compra um cara e não gosta dele? Aí quando quer mandá-lo embora, recebe só uma merrequinha de GPs. Por isso, pense bem antes de fazer uma transação!

Algo legal de se destacar também é que Football 2022 vem recebendo conteúdo novo. Na primeira semana, a galera ficou na expectativa de termos mais coisas, mas ela funcionou basicamente como uma pré-temporada. Agora, de fato, as coisas começaram pra valer, com novos jogadores lendários, cartas especiais, eventos e uma impressão inicial de que isso ocorrerá com frequência.

eFootball 2022 ainda não tem todos os times (Foto: Reprodução/THIAGO BARROS)
eFootball 2022 ainda não tem todos os times (Foto: Reprodução/THIAGO BARROS)

Mas nada adiantaria mexer nisso tudo e não ter uma jogabilidade boa, certo? E é justamente aqui que valem os maiores elogios aos desenvolvedores. O Feedback da comunidade foi ouvido, e o jogo tem uma nova cara. Bem diferente de alguns jogos da Era Pro Evolution Soccer em muitos aspectos, podendo se dizer que até pegou um pouco de inspiração na concorrência – e não há mal nenhum nisso!

Especialmente no quesito movimentação. Ainda há algumas ações da IA que não parecem sempre as melhores escolhas, mas tudo melhorou bastante. Seja individual, seja coletivamente. Só que a curva de aprendizado não parece tão simples. É difícil se acostumar a algumas mecânicas, especialmente defensivas. A parte tática segue sendo um dos pontos altos do jogo, e isso ajuda na hora de organizar melhor o time, mas no fim das contas, é muito do seu dedo – e da sorte também. O que acaba incomodando as vezes, mas “é do jogo”.

eFootball 2022: vale a pena?

As próximas semanas e os próximos meses serão cruciais para a resposta definitiva sobre eFootball 2022. No momento, a impressão é de que a Konami vai conseguir uma virada histórica no melhor estilo Vasco contra o Palmeiras na Mercosul de 2000. A torcida já canta que “o eFootball é o time da virada, o eFootball é o time do amor”. Mas ainda é preciso jogar muito para chegar lá.

Novos modos de jogo, especialmente a Master Liga, a opção de adicionar option files para personalizar os times que não têm licenças, opção de jogar com/contra amigos, amistosos com todos os times das ligas licenciadas e, claro, manter o ritmo com novos conteúdos no Dream Team.

Caso isso aconteça, sem dúvidas o que antes parecia o fim de uma história repleta de ótimas memórias e sucesso, agora pode virar o renascimento dela. Clique aqui, baixe eFootball 2022 e teste você mesmo! Quem curte um bom futebol, provavelmente vai gostar e, daqui a pouco, a Konami poderá chamar o MC Poze do Rodo e dizer que “fez o jogo virar” e “está em outro patamar”.

Veredito

eFootball 2022
eFootball 2022

Sistema: PlayStation 5

Desenvolvedor: Konami

Jogadores: 1

Comprar na Amazon
79 Ranking geral de 100
Vantagens
  • Jogabilidade evoluiu e está agradável
  • Modo Dream Team é superior ao MyClub
  • Conteúdo vem sendo atualizado frequentemente
  • Gráficos e ambientação evoluíram bastante
Desvantagens
  • Ausência de modos de jogo
  • Não é possível jogar com/contra amigos
  • Não é possível adicionar Option File
Thiago Barros
Thiago Barros
Editor-Chefe
Publicações: 1.932
Jogando agora: Ghostwire Tokyo
Jornalista, teve PS1, pulou o 2, voltou no 3 e agora tem o 4, o 5 e até o PSVR. Acha God of War III o melhor jogo da história do PlayStation.