Notícias

Sistema “Game Pass” não faz sentido no PlayStation, diz Sony

Sistema de assinatura como o "Game Pass" seria insustentável para a Sony

por Vinícius Paráboa
Sistema

O Xbox Game Pass é um sistema bastante popular quando o assunto é serviço de assinatura em games. Entretanto, a PlayStation não pretende criar algo similar ao programa da Microsoft, porque “não faz sentido” para a empresa.

Em entrevista ao gamesindustry.biz, o diretor executivo da SIE, Jim Ryan, disse que esse modelo seria insustentável para a Sony, pois os projetos da PS Studios normalmente custam mais de US$ 100 milhões.

Para nós, ter um catálogo de games não é algo que defina uma plataforma. Nosso lema é ‘novos jogos, grandes jogos’. Tivemos essa conversa antes, não iremos levar lançamentos a um modelo de assinatura. Estes jogos custam milhões de dólares, mais de US$ 100 milhões para serem desenvolvidos. Não vemos isso de maneira sustentável.

Por fim, Ryan afirma que “não faz sentido” levar seus games para um sistema de assinatura, como o Game Pass. Isto porque, a PlayStation pretende lançar títulos com maior constância.

Nós queremos fazer os jogos maiores e melhores, e talvez em algum ponto, mais constantes. Então, colocá-los em um modelo de assinatura no primeiro dia, para nós, não faz sentido. Para outros, em uma situação diferente, pode fazer, mas não para a gente.

O PlayStation 5 chegará ao Brasil em duas versões: Blu-Ray Edition e Digital Ediion. A primeira custará R$ 4.999, enquanto a outra sairá por R$ 4.499. A estreia oficial acontece no dia 19 de novembro.

Pré-venda no Brasil já começou

As pré-vendas no Brasil já começaram, mas os estoques estão evaporando! Garanta o seu CLICANDO AQUI.