Notícias

PS4 chega a quase 114 milhões de unidades vendidas, anuncia Sony

Decréscimo de vendas está relacionado à transição para o PS5, que chega em novembro

por Vítor Amorim Heringer
PS4 chega a quase 114 milhões de unidades vendidas, anuncia Sony

A Sony anunciou, hoje (28), em seu relatório financeiro, que o PS4 chegou a 113.8 milhões de unidades vendidas até o dia 30 de setembro de 2020. Dessa maneira, o console encosta no Game Boy e Game Boy Color da Nintendo, ambos venderam, juntos, 118 milhões de videogames.

As vendas nos últimos três meses foram de 1,5 milhão, com decréscimo de 1,3 milhão em relação ao mesmo período de 2019, que tinha vendido 2,8 milhões unidades de PS4. O resultado é considerado normal, por conta do eminente lançamento do PS5, no dia 12 de novembro, em países selecionados, e dia 19, no Brasil e no restante do mundo.

A Sony também aumentou sua projeção de lucros para o setor de Games e Serviços em Rede de US$23,5 bilhões (aproximadamente R$134 bilhões) para US$24,9 bilhões (aproximadamente R$142 bilhões). Além disso, espera arrecadar em receita operacional cerca de US$2,26 bilhões (aproximadamente R$13 bilhões). Os números são referentes ao ano fiscal que termina no dia 31 de março de 2021.

A expectativa da empresa pode estar relacionada à grande demanda do PS5, visto que a quantidade de videogames comercializados nas primeiras 12 horas de pré-venda nos EUA equivale às primeiras 12 semanas de vendas do PS4 no país, segundo Jim Ryan, diretor executivo da SIE.

Além disso, o PS4 vendeu 80,9 milhões de softwares (jogos) no segundo trimestre do ano fiscal de 2020, o que representa um aumento de 10,3 milhões em relação aos 70,6 milhões de software vendidos durante o mesmo período do ano fiscal anterior.

O relatório aponta, também, que 12,4 milhões de unidades foram títulos originais, ou seja, um aumento significativo de 6,1 milhões em relação aos 6,3 milhões vendidos durante o mesmo intervalo de tempo anterior.

Receba as novidades do meuPS no email

Nós não enviamos spam :)

Ao clicar em receber novidades você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade. Você pode optar por parar de receber os emails a qualquer momento.