Notícias

[SPOILER] Naughty Dog fala sobre cenas cortadas de The Last of Us 2

Roteirista e diretor comentam sobre cenas que acabaram não entrando na versão final

por Raphael Batista
[SPOILER] Naughty Dog fala sobre cenas cortadas de The Last of Us 2

A Naughty Dog precisou fazer muitos ajustes antes de, finalmente, lançar The Last of Us 2. O estúdio já comentou sobre a ideia de outro final e agora revelou uma das cenas cortadas do game, que prometia ser chocante.

Atenção! Este artigo contém SPOILERS e referências sobre o enredo de The Last of Us 2. Se você ainda não experimentou o game e não quer ter sua experiência comprometida, é melhor dar uma espiadinha em outros artigos como:

Em entrevista ao The Washington Post, os roteiristas Neil Druckmann e Halley Gross falaram sobre um arco específico de Joel que seria retratado no game. O personagem havia se apaixonado por uma mulher que morava próximo de Jackson e seu nome é Esther.

Em um momento da aventura, Joel e a Ellie iriam visitá-la, mas a casa ficou cheia de infectados e Esther acabou contaminada. Joel então pediria para que Ellie fosse para um rio próximo buscar água, mas enquanto a jovem estava há alguns metros da casa, ela ouviria um disparo.

Não ficaria exatamente claro quem puxou o gatilho.

Gross explicou que a Naughty Dog queria mostrar como Joel sempre se preocupava com Ellie, mesmo quando o incidente não a envolvia diretamente. No entanto, a roteirista disse que a cena foi cortada porque não havia tempo em desenvolver a Esther e garantir uma justificativa emocional. Após a morte de Joel, é possível encontrar uma carta de amor de Esther para ele dentro da casa.

E o corte não se limitou a esta parte. Também em Jackson, na cena onde Dina e Ellie dançam em uma festa, haveria toda uma parte jogável onde até seria possível encontra Cat, uma suposta ex-namorada de Ellie, a responsável pela tatuagem da garota.

Antes da cena icônica em que Dina e Ellie ficam juntas na dança, a Naughty Dog queria investir em um momento para exploração para oferecer aos jogadores uma maior profundidade. Halley Gross explicou que a parte foi reduzida às cutscenes finais para preservar o impacto da conclusão da jornada e como em como abandonou a missão de vingança.

The Last of Us 2

Para quem gostaria de mais detalhes sobre os Serafitas/Cicatrizes, a roteirista também revelou que a ideia original para The Last of Us 2 seria apresentar uma outra visão da seita, diretamente da perspectiva da Ellie. Gross disse que o trajeto em Seattle teria cinco dias ao invés de três, e um dos momentos seria dedicado a aventurar-se na ilha dos Serafitas.

Acabamos destruindo todo esse nível, e foi um grande nível. Foi muito legal. Os designers tinham muitos elementos excelentes, mas acabamos descartando porque não acrescenta narrativamente.

Por fim, o relacionamento entre Ellie e Dina também contava com ideias um pouco diferentes. A roteirista explicou que a cena onde as garotas encontram a plantação de ervas era, na verdade, um monólogo onde Ellie tentava explicar porque nunca havia tentado se aproximar de Dina.

Druckmann disse que o conflito entre as duas precisava acontecer mais tarde, e por isso, decidiram refazer o momento para se tornar algo mais leve e direto. Segundo o diretor, The Last of Us 2 sempre se aproveita de confrontos para deixar os personagens mais próximos e a ideia original não conseguiria imprimir este sentimento.