Notícias

Fallout 76: jogadores são banidos por perseguirem outros jogadores; entenda

Perseguição (com motivação preconceituosa) causou constrangimentos.

por Raphael Batista
Fallout 76: jogadores são banidos por perseguirem outros jogadores; entenda

A Bethesda baniu perpetuamente um grupo de jogadores que realizavam ataques coordenados dentro de Fallout 76. Uma das vítimas, o jogador AJpls, compartilhou a lamentável situação através do Twitter (via Eurogamer).

Por cerca de 10 minutos, um bando perseguiu outro grupo, derrotando-os consecutivamente. A cada morte, o líder dos malfeitores, NathanTheHicc, declarava no microfone: “queer derrotado” ou “descontaminando a AIDS”.

Enquanto isso, os demais bradavam frases do tipo: “viemos eliminar todos os gays, estamos limpando o mundo dos queers!”. Veja o vídeo:

O jogador cita que, mesmo não revidando aos ataques e tentando escapar, ainda sim a seita se manteve em seu encalço. A situação só foi interrompida após uma troca de servidores.

A Eurogamer entrou em contato com NathanTheHicc, o líder dos caçadores, para coletar sua parte no caso. Ele upou um vídeo no YouTube com o título “Limpando os queers” em que reporta a situação em questão. Ele respondeu em um email:

Minha versão do incidente é, mais ou menos, o mesmo que o público sabe, a única diferença é o fato que não odeio pessoas gays. Era só tarde de uma noite enquanto nos divertíamos e sentimos que seria engraçado. Você pode chamar isso de maldade, mas eu só penso que é imaturidade.

Não me arrependo do incidente. Não vou me desculpar. Não planejo algo assim para o futuro, mas para ser justo eu não planejei a situação original, apenas os encontrei e decidi seguir o rumo.

Inicialmente, a Bethesda havia banido os usuários envolvidos por apenas três dias. Porém, após uma análise mais profunda dos materiais divulgados, a companhia decidiu banir todos definitivamente.

Promovemos uma suspensão inicial de três dias enquanto nosso time analisava todo o material a fim de obter maiores detalhes. Após a análise, agora nós banimos perpetuamente todos os jogadores que identificamos.

Não toleramos esse tipo de comportamento em nenhum dos jogadores. Iremos continuar a investigar as alegações de abuso ou casos semelhantes – em conjunto com a Sony e a Microsoft – e tomar uma ação quando necessária.