Guias

Sem mais desculpas! Confira as melhores configurações de controle para Warzone

Melhore seu desempenho no battle royale com mudanças simples nos ajustes de controle

por Vítor Amorim Heringer
Sem mais desculpas! Confira as melhores configurações de controle para Warzone

Quem nunca deu aquela desculpa clássica para os amigos que foi culpa do controle? Pois bem, é melhor pensar em outra. O site Charlie Intel trouxe um guia com as melhores configurações para você arrebentar em Call of Duty: Warzone.

Para conseguir acessar o menu, basta entrar no jogo e apertar o botão de “opções”. A primeira página que aparecerá já será a de ajustes no controle, como pode ver abaixo.

1
Aba de configuração de controle em Call of Duty: Warzone. Foto: Reprodução/Vítor Heringer

Geral

  • Esquema de botões do BR: Tático
  • Predefinição de esquema de controles: Padrão
  • Inverter visão vertical: Desativado
  • Zona morta: 0 (aumente conforme necessário)
  • Sensibilidade horizontal do controle: 6
  • Sensibilidade vertical do controle: 6
  • Multiplicador de sensibilidade ao mirar (zoom baixo): 0,90
  • Multiplicador de sensibilidade ao mirar (zoom alto): 1.0
  • Tipo de curva de resposta de objetivo: Padrão/Dinâmico
  • Vibração do controle: Desativado

O esquema de botões no tático é fundamental para ser veloz, ao alterar o “Agachar/De bruços/Deslizar”do “Círculo” para o “R3”. Dessa maneira, o gamer não precisará mover o dedo e ficará mais ágil. Além disso, aumentar a sensibilidade vale a pena para os momentos em que o jogador é pego desprevenido e deve reagir rapidamente.

Armas

  • Ajuda de mira: Padrão
  • Ativação de apoio de arma: Mira + corpo a corpo
  • Movimento de saída do apoio de arma: Ativado
  • Comportamento ao apontar a mira: Segurar
  • Comportamento do equipamento: Segurar
  • Comportamento de uso/recarga: Toque contextual
  • Troca de arma sem munição: Habilitado
  • Comportamento da placa de blindagem: Aplicar tudo

Segundo o Charlie Intel, o toque contextual é considerado uma “dádiva de Deus”. E, sim, é realmente muito importante para se dar bem em Warzone. Nessa configuração, o jogo se adaptará para a situação de cada jogador, sempre priorizando o uso da arma, ao invés do recarregamento, ou seja, se um inimigo te atacar enquanto coloca munição, haverá como atirar sem precisar concluir a ação anterior.

Deixar a troca de arma habilitada também é essencial — quase obrigatório. Os jogadores passam por diversos momentos intensos no battle royale e não percebem a quantidade de munição. Com isso, sempre que sua arma estiver zerada, o jogo trocará automaticamente para a outra.

Movimento

  • Comportamento ao deslizar: Tocar
  • Avanço automático: Desativado
  • Corrida automática: Corrida automática
  • Recentralizar câmera do veículo: Ativado
  • Ativação automática de paraquedas: Desativado

Desative a ativação automática de paraquedas. Acredite, valerá a pena. Conseguir chegar nos locais rapidamente quando a partida começar é estar um passo a frente dos seus adversários. E não se preocupe: há como puxar a corda quando próximo do chão.

Como dissemos acima, velocidade é fundamental em Warzone. Agora que você já mudou o botão de “Agachar/De bruços/Deslizar” para “R3”, se tornará ainda mais rápido ao colocar o “comportamento ao deslizar” em “tocar”. Dessa forma, economizará pelo menos um segundo na ação — tempo que pode fazer diferença no jogo.

E aí, caro leitor, gostou do guia? Diga nos comentários!

Receba as novidades do meuPS no email

Nós não enviamos spam :)

Ao clicar em receber novidades você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade. Você pode optar por parar de receber os emails a qualquer momento.